Apresentação.png

Iniciação Científica

Entre março de 2018 e fevereiro de 2019, fui bolsista no programa PIBIC da FAPEMIG orientado pelo Prof. Tales Lobosco da Escola de Arquitetura da Universidade Federal de Minas Gerais.

O projeto de pesquisa visou compreender a ferramenta da Realidade Virtual (RV) dentro do processo de projeto de arquitetura e design, utilizando softwares já colocados no mercado e observando suas limitações no que diz respeito ao desenvolvimento do projeto. A pesquisa visa correlacionar as práticas de elaboração tradicionais, como o croqui, a maquete e os softwares de modelagem 3D (como o SketchUp) com uma ferramenta nova, promissora e pouco explorada no campo da arquitetura que é a Realidade Virtual. 

Para maiores informações sobre a pesquisa pode ser consultado o artigo produzido ao final do projeto, publicado e apresentado no XXIII Congresso Arquisur, realizado em Belo Horizonte em 2019, dentro do eixo temático "O projeto na produção da Cidade Contemporânea".

Disponível em PDF:

Sem título.png

Esquema utilizado para explicar a metodologia da pesquisa

PLAID-UNIVERCEMIG

A PLAID UNIVERCEMIG é um projeto atualmente em desenvolvimento na Escola de Arquitetura da UFMG. O projeto prevê o desenvolvimento de uma plataforma digital educacional (PLAID) para treinamento e capacitação dos funcionários da CEMIG na área de instalações elétricas; esse treinamento será oferecido através de uma plataforma digital que alia recursos em EAD, com o uso de um plataforma exclusiva a ser desenvolvida e ferramentas em Realidade Virtual e Aumentada possibilitando um ensino mais imersivo e com métodos inovadores.

As ferramentas em realidade virtual e aumentada estão em desenvolvimento através do software Unity.

Capture1
Capture1

press to zoom
Capture
Capture

press to zoom
Capture3
Capture3

press to zoom
Capture1
Capture1

press to zoom
1/3

Renderizacão do interior virtual da sala que abrigará o projeto de ensino na Univercemig em Sete Lagoas - MG

Vídeo produzido por Danilo Celso e Samuel Lorenzato

Renderização em 360º utilizada para apresentação do projeto Moradia Estudantil em ponte 

Google Cardboard 

Atrelado ao projeto de pesquisa desenvolvi algumas experimentações com o Google Cardboard por meio da ferramenta de renderização Vray, e o desenvolvimento de aplicativos em realidade aumentada por meio do Unity e com uso dos SDKs Vuforia e Google VR. Os testes realizados visam apenas entender possibilidades de representação do objeto arquitetônico por uma método mais imersivo para futuramente experimentar a inserção deste em ferramentas propriamente ditas que possibilitem seu desenvolvimento.

O uso do Google Cardboard permitiu uma acessibilidade maior da ferramenta uma vez que se trata de um aparato mais simples e barato, que pode ser construído pelo próprio cliente sem maiores dificuldades. Os aplicativos são instalados em Smartphone Android ou iOS com suporte para giroscópio. O desempenho depende muito do aparelho, mas é eminente que cada vez mais os Smartphones ganhem poderes maiores de processamento e fiquem mais baratos conforme o avanço da tecnologia.

cardboard_viewer.jpg

Google Cardboard

Renderização em 360º utilizada para apresentação do projeto Fundação Cultural David Bowie

O uso da realidade aumentada, construída através do Vuforia e do V-ray, foi testada pela primeira vez com clientes reais através do projeto desenvolvido na disciplina Cirurgia de Casas, orientado pela Prof. Silke Kapp da Escola de Arquitetura UFMG e obteve resultados satisfatórios. Os clientes se sentiram muito entusiasmados com o projeto apresentado através do Google Cardboard, mas não se limitaram a reação de surpresa ou êxtase proporcionado pela tecnologia; pelo contrário, a experiencia os permitiu se aproximar mais do projeto apresentado tornando a decisão de qual opção escolher mais imersiva e divertida. A cliente Luiza me disse que tinha dificuldades de compreender plantas arquitetônicas e que a experiência do uso do VR/AR permitiu um melhor compreensão das opções de projeto apresentadas. 

IMG_20190417_153234760_HDR
IMG_20190417_153234760_HDR

press to zoom
20190417_151918
20190417_151918

press to zoom
IMG_20190417_153234760_HDR
IMG_20190417_153234760_HDR

press to zoom
1/2

O cliente Rogério observando o modelo em 3D de uma das opções de projeto através do Google Cardboard

Um segundo experimento com a Realidade Aumentada em contato com situações reais veio por meio da Disciplina de projeto Arquitetura Desobediente. ministrada pela professora Marcela Silviano Brandão da Escola de Arquitetura da UFMG, onde o objetivo da disciplina é promover um mutirão de reformas e ajustes em situações urbanas como Ocupações e no caso da oficina oferecida no segundo semestre de 2019, o local escolhido é a Casa de Gentil, uma casa de convívios que promove projetos educacionais para as crianças de uma área carente da cidade de Raposos - MG. 

Meu grupo utilizou um app de realidade aumentada, criado por mim, durante o processo de assessoria, para mostrar as nossas propostas de reformas para uma cozinha desativada que existe nos fundos do local. No App é possível além de observar os modelos das intervenções fazer alterações no layout proposto, mexendo na disposição dos elementos propostos.

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/4

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/3